e-mail
senha
esqueceu sua senha? CADASTRE-SE
gravar senha
Pesquisar     SEXTA-FEIRA, 20 DE ABRIL DE 2018  
« voltar ao Fórum Responder mensagem Postar nova mensagem Regras Glossário Revelando-se Perfeito Dates Classificados
Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X Epiphone
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 23/10/2012 10:46:31

Oi Pessoal, beleza?

Estou com uma dúvida numa troca de guitarras, estava à um tempo atrás pensando em trocar uma fender Made in Mexico 2002 com tex mex que tenho, mas que uso pouco, ela tem escudo perolado fender e parte elétrica da fender 70's por uma les paul. Como ainda não tive a oportunidade de comprar uma gibson, pensei em pegar uma epiphone turbinada, aí apareceu um cara querendo trocar comigo uma epiphone standard custom shop 2007 made in China, com par de captadores Gibson Burstbucker (é um bom captador, apesar de não ser meu preferido), porém a guitarra está machucada, pois, segundo ele, o filho derrubou, ele me mostrou as fotos, está com um lascado bom na pintura, que dá pra ver um pedacinho da madeira na lateral da guitarra e um lascado pequeno, mas mais profundo na mão da guitarra, perto da tarracha do mi bordão. No mais a guitarra parece estar é bom estado, porém tem estes detalhes estéticos. Vendo de frente a guitarra está em perfeito estado.

Gostaria de saber com vocês que tem mais experiência, será que pode ter dado algum problema em afinação ou parte elétrica (segundo ele não, e realmente parecem ser pancadas superficiais que danificaram só a pintura, a primeira camada do instrumento)? Será que vale à pena à troca, tipo, será que se depois eu quiser revendê-la ou colocá-la em troca por outra guitarra eu vou ter muitas dificuldades ou vai desvalorizar muito? Gostaria de saber se não estarei perdendo um bom negócio em rejeitar ou se estarei fazendo um péssimo negócio se for efetivar a troca. Pedi uma leve volta em dinheiro, mas ele não se interessou, ele quer a troca pau a pau. O que vocês acham galera? Podem dar uma ajuda?
ordenar por  mais recentes   mais antigas  
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 26/11/2012 17:37:43

Quando achar um tempinho, tiro as fotos e posto aqui, depois farei uma busca pelo tópico do Xibuque, pois, foto direto do pc eu não sei postar aqui. Santa ignorância!!!
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por tib (Porto Alegre/RS)  enviar um e-mail para tib
(brainshred@gmail.com) 21/11/2012 23:05:18

Daniel, a minha também, o numero de série é engravado no neck plate. Tem o logo da Samick, escrito "Made in Korea" e o numero série, todos são "carved" no neckplate. Que era dourado quando eu comprei, mas hoje está praticamente preto, hehe.

Mandei um e-mail pra Samick, na epoca que troquei os pups, mas nunca me responderam..
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Daniel Gallagher (Belo Horizonte/MG)  enviar um e-mail para Daniel Gallagher
(gfaria@gold.com.br) 21/11/2012 22:33:48

Tib, a minha Artist Series tem o número de série 'carved' no neck plate, ou seja, realmente é uma 'Custom Shop' oficial da Samick, mas nunca consegui definir o ano dela e nunca consegui contato com a Samick pra saber a história dessa guitarra, que é maravilhosa por sinal.
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por tib (Porto Alegre/RS)  enviar um e-mail para tib
(brainshred@gmail.com) 21/11/2012 22:31:19

Eu tenho uma superstrat da Samick (Artist Series) de 96.
Nunca descobri quais as madeiras e o modelo da guitarra.
Em mais de 10 anos olhando no ML, só vi 1 do mesmo modelo e mesmo assim, outra cor.

E a guita até hoje (comprei nova em 96) me atende. Uso ela direto em ensaios.
Hoje ela está com Dimarzios, mas a captação original me atendeu por uns... 6 anos, eu acho.
Foi em 2002 ou 2003 que eu coloquei os Dimarzios nela.

Não é uma Suhr (ou Charvel haha) mas me atende legal.
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Daniel Gallagher (Belo Horizonte/MG)  enviar um e-mail para Daniel Gallagher
(gfaria@gold.com.br) 21/11/2012 22:24:08

Tenho três instrumentos Epiphone há mais de 10 anos, uma LP Std 1998, uma Sheraton II 1996 e um EJ-200 1996.

Nessa época as Epis ainda eram feitas na Coreia na fábrica da Samick e são as melhores Epis asiáticas de linha do mercado (as da década de 1990). Comparar uma Epiphone 2010 com uma 1996 é até sacanagem.

Eu só tenho esses instrumentos porque não existe a menor possibilidade de eu ter os "originais" Gibson devido ao preço ridículo dessas guitarras e violões no mercado.

Por outro lado, desde que toco profissionalmente (tenho 13 anos de estrada), eu percebi que o investimento em amplificadores dava muito mais satisfação sonora do que o investimento em guitarras. Não estou dizendo que tenho um monte de amplificadores, mas desde o início eu busquei gastar mais em um amp top de linha do que uma guita top de linha, pq faz muito, mas MUITO mais diferença.

Eu tenho um som com muito mais personalidade e definição do que vários outros guitarristas que têm Gibsons de 10 mil reais na mão justamente por isso. É claro perceber isso nos palcos. Vejo gente com guitarras top tocando em amplificadores meia boca com um timbre às vezes razoável, mas na maioria das vezes sem personalidade ou punch.

Além dessas guitrarras, tenho uma Telecaster Samick Artist Series e uma Fender Am Std Strato Plus 1991 (que é a única guitarra top de linha que tenho e peguei numa pechincha há uns 10 anos aqui em BH).

Quem tem Facebook pode dar uma olhada nas minhas guitarras nesta foto: http://www.facebook.com/photo.php?fbid=453050308068589&set=a.336827263024228.82229.100000908714521&type=1&theater

Investi em todas as guitarras e as escolhi a dedo e hoje não tenho vontade de trocá-las, embora tenha o mesmo desejo pelos "originais" Gibson.

Acho que guitarras são um instrumento tão pessoal que muitas vezes a opinião dos outros não serve de quase nada em termos de tocabilidade e timbre. O que vale é saber se uma guitarra de 10 mil realmente vale 10 mil e se vc não vai comprar gato por lebre, mas mesmo assim, se uma guitarra valer mil e eu a quiser muito, vou acabar pagando mais do que os mil pq é totalmente subjetivo.

Eu não defendo guitas asiáticas sobre suas contrapartes americanas ou japonesas ou europeias. Eu apenas tenho consciência real sobre o valor das minhas guitarras para mim. Eu sei dos seus defeitos e qualidades e criei uma relação íntima com cada uma e eu toco muito bem e timbro muito bem todas elas porque as adaptei para o meu gosto.

Se eu vender todas as minhas guitarras eu ainda não compro uma R9 aqui no Brasil e isso e tão ridículo que às vezes eu me pergunto se muitos guitarristas realmente entendem por que e pra que têm um ou outro instrumento de uma marca ou modelo.

Acho que a gente tem que buscar nossa personalidade antes de ficar indo de guitarra em guitarra achando que alguma vai resolver um problema ou vai dar um som X ou Y. Primeiro vem o que eu quero. Depois vem o que a guitarra pode me dar.

É um papo meio filosófico esse, mas acho muito interessante ver a visão de todos sobre esses instrumentos que tanto amamos.

E Billy, posta uma foto da sua LP pra gente ver!

Abs!
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 21/11/2012 14:20:20

Aí galera, contrariando a opinião da maioria, tomei uma atitude aparentemente irracional. Peguei a epipoca... hehe

Estava com o pé muito atrás, mas continuava pensando na guitarra, não estava mais curtindo a fender MIM, e estava com GAS ligeira numa les paul, mesmo que não fosse Gibson.

Pois bem, peguei a Epiphone, não sem antes testar, marquei com o cara de testar sem compromisso, só pra provar pra mim mesmo que minha strato era melhor.

Não é que me enganei? A Epiphone era modelo standard custom shop, o que na verdade não é bem uma custom shop, pois a Epiphone não tem CS, mas, sim uma standard com acabamento melhorado (bonita a bichinha), o corpo é em 1 ou 2 peças (não vi emenda na traseira, também não pareceu ter pela lateral. A cor é bonita, e o principal, os burstbuckers, estes fizeram milagre na guitarra. Já toquei em Epiphone com captador original e achei abafada, com os burst, a guitarra ficou com um som tremendamente encorpado, graves bonitos e presentes no captador do braço, e muitos gritos e punch no da ponte, valeu à pena a aquisição.

Não posso comparar a uma Gibson, Gibson é outra guitarra, animal e sem comparação, mas comparando com uma Gibson que estava pensando em pegar, que era a Tribute 50, com humbucker, posso dizer que em termos de timbre a Epiphone soou mais brilhante, som um pouco menos presente, mas um pouquinho mais encorpado, no geral, eu daria 9 pras duas, pois, a tribute não é lá uma standard e muito menos uma R9. No geral a tribute sai ganhando pela pegada do braço, bem mais confortável, também é um pouco mais leve, maior tocabilidade. Mais em termos de timbre, eu posso dizer que fiz um belo negócio, pois, sai com um timbre de Gibson de linha mais simples, sem desembolsar um centavo, troquei pau a pau. Valeu à pena! Quanto à marca, é pequena e não afetou em nada a estética da guitarra.

De qualquer forma agradeço à todos que opiniram, pois, realmente parecia uma roubada. O melhor teste pra se fazer numa guitarra acaba sendo o de você ligá-la num bom amp, tocá-la, olhar os detalhes e ver se vale à pena ou não aquela guitarra, ainda mais de guitarras de segunda linha, pois, você pode fazer um péssimo negócio ou um bom negócio, como foi o meu. Um abraço galera!
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 24/10/2012 14:13:30

Pois é Roberto, este é o medo.
Creio que a fender + uns R$ 1000 ou próximo deste valor eu pegaria uma studio. Meu problema é encontrar quem faça o negócio, pois geralmente quem tem uma studio quer fazer um upgrade e comprar uma standard ou mesmo uma fender americana. Outro problema é eu encasquetar que a falta do tampo de maple não vai dar o timbre que quero, pois, apesar de eu nunca ter tocado numa Gibson studio, eu já toquei na tribute com P90, achei a pegada boa, o timbre legal e tal, mas achei que o timbre parecia que estava alí, só que meio "amarrado", também achei que o som poderia ser mais gordo, encorpado e pesado, creio que uma parte disto possa ter à ver com o P90, mas imagino que não seja só por causa dele. Na verdade achei o timbre desta tribute um meio termo entre o timbre da sg (que já toquei) e o da les paul, não sendo portanto o timbre de standard que eu gostaria.

Oi Wave, beleza?
Grana pra Standard eu até tenho, meu problema é que vou ter problema com a patroa, pois fui fazer a burrada de contar pra ela quanto era uma, e nossa prioridade no momento é juntar grana pra trocar de imóvel, e penso em depois disto curtir umas férias lá no "States" e trazer de lá, pois dá pena pagar a diferença de preço entre o daqui e o de lá, pois lá, com a mesma grana eu traria ainda um cabeçote como o Engl gigmaster ou o mini-recto e ainda várias latinhas que eu não tenho coragem de pegar por aqui, como os pedais da DSL. Então a standard fica em stand by por um tempo...hehe

Então, descartei a possibilidade da epi, agora gostaria de uma ajuda quanto à les paul studio, não tenho tempo pra rodar nas lojas pra testar uma (trabalho durante o dia), e pretendo pegar usada, gostaria da ajuda de vocês pra me passarem as suas experiências com a studio, se é isto mesmo que eu achei, se realmente deixa à desejar pra quem está mirando numa standard e tal, pra ajudar a desmistifica-lá, e se for uma guitarra que atenda meu "momento les paul", penso até em ficar com ela e quando pegar a standard, fico com as duas... hehe.

Um abraço galera!
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Waverider (Barra Mansa/RJ)  enviar um e-mail para Waverider
(wave.rider@rocketmail.com) 24/10/2012 13:06:50

Billy, simples assim:

- Vc curte muito essa strato? Caso sim, fique com ela, caso não, venda-a

- Quer uma Les Paul bacana? Espere e compre a melhor que puder. Uma boa Gibson Standard pode ser um ótimo começo. E mais tarde vc pega uma R9.

O que o Roberto falou eu concordo.
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Roberto Costabile Junior (São Paulo/SP)  enviar um e-mail para Roberto Costabile Junior
(robertocostabilejr@gmail.com) 24/10/2012 12:03:31

Ninguém tem paciência comigo...

Ou melhor, vai ver eu fiquei sem paciência sem motivo...

Desculpem pela mensagem azeda !

Concordo com o lance da incosistência, e isso em várias, mesmo USA's e afins.

Também concordo que, se está mesmo afim de Les Paul, e descurtiu Strato, é melhor ter algo que vai curtir e aproveitar mais.

O úncio ponto que eu também friso, é que se a coisa é so na febre, pode se arrepender depois.

Principalmente você tendo o medo de revenda, etc

Apenas por interesse científico, considerou quanto sairia a diferença
no caso precisasse inteirar numa troca com uma Studio ?


Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 24/10/2012 11:28:16

Valeu Telefunk! Dica sensata, vou me aprofundar mais no conhecimento das les paul, pois meu lance sempre foi strato e super strato, tanto que Fender e Ibanez sempre estavam nas minhas preferências. rs. Destas eu entendo bem melhor.

Depois que a gente pega a manhã de determinado tipo de guitarra, fica mais fácil reconhecer a qualidade da madeira e da construção em sí, talvez eu fale com o cara pra eu dar uma testada nela, mas vou esperar passar o momento de empolgação pra não fazer negócio errado, e se analisando racionalmente eu ver que vale à pena, eu efetivo à troca, senão, fico com a minha fenderzinha mesmo, que é mais usada pra tirar sons de sintetizador (GR-20) do que pra tocar à vera, e aguardo pra pegar uma Gibson les paul studio, ou quem sabe, se a patroa não encrencar, uma standard daqui à um tempo? (fui fazer a besteira de falar o preço da guitarra pra ela...hehe)


Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Telefunk (São Paulo/SP)  enviar um e-mail para Telefunk
(w.p.p@bol.com.br) 24/10/2012 10:39:43

Roberto,

Meu post não foi de forma nenhuma direcionado a seu comentário e também concordo que a palavra preconceito não foi a melhor escolhida nesse caso.

Mas o que não concordo, e também falo por experiência própria, é que guitarras chinesas são ruins simplesmente por serem chinesas.

O problema das guitarras chinesas, na maioria das vezes, é o controle de qualidade porco pelo qual as mesmas passam... Existem guitarras chinesas toscas e guitarras chinesas muito boas. O mesmo acontece com guitarras japonesas, americanas ou de qualquer lugar. No entanto, estas últimas passam por um controle rigoroso e os micos, também na maioria das vezes, não chega ao mercado.

Já tive Fender americana que era um pau com cordas, sonoramente falando, e já toquei em Squiers chinesas sensacionais...

Portanto, é preciso ter cuidado com a máxima de que as "chinokas" não prestam...



Billy,

Como todos, também compartilho da opinião de que esperar é a melhor opção para comprar a guitarra desejada. No entanto, nada adianta, também, ficar com a strato parada em casa quando você está com uma puta vontade de ter uma Les Paul.

Tente testar a guitarra, não só esta que está no rolo, mas outras em lojas também. Com certeza você saberá após testar algumas se a troca vale a pena ou não...
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 24/10/2012 09:19:57

"Palma, palma, Roberto, não priemos cânico! hehehe

A verdade é que ontem eu estava ligadão na guita mesmo, a guitarra é bonita, red wine, acabamento bacana, em mogno, não sei a qualidade dele, por vir da China (nunca toquei em epipoca chinesa), mas resolvi pedir a opinião da galera pra não fazer burrada.

Não duvido que a epipoca deixe À desejar, afinal, a gibson não assina seu nome na mesmo, como se fosse só uma produção em outro país, como a fender faz com as made in Mexico, mas resolveu assumir a marca de uma concorrente comprada pra fazer instrumentos de qualidade mais baixa "by Gibson", então não dúvido que a mesma seja feita com madeira de baixa qualidade (em alguns casos nem madeira mesmo é) e componentes de segunda, mas é que quando eu fico num impulso de pegar equipamento é uma droga, acabo pegando coisas que depois ficam encostadas, como já fiz antes, mas na hora parece fazer todo o sentido, entende? rsrs

É que estou muito na onda de pegar uma les paul, e como não conheço a Gibson studio, eu fiquei em dúvida quanto À epipoca, se seria qualidades aproximadas, pois nela eu não precisaria inteirar grana, apesar de ainda não ser a guitarra que eu quero, que é uma Gibson les paul standard.

MAs captei a mensagem do pessoal e vou ponderar mais um pouco sobre, acho que no momento está valendo mais ficar com a fender mesmo.

Obrigado aí pela opinião de todos. Roberto, Dado, cheese, telefunk e não sei se esqueci mais de alguém.
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Roberto Costabile Junior (São Paulo/SP)  enviar um e-mail para Roberto Costabile Junior
(robertocostabilejr@gmail.com) 24/10/2012 08:33:55

"O pessoal tem muito preconceito com Epiphones."

Não tenho preconceito com Epiphones, ou com qualquer outra marca.

Tenho sim uma opinião formada, com base no que tive de experiência.
Preconceito seria uma idéia pre concebida, sem antes conhecer que está sendo questionado.
Toco a bastante tempo. Tive Guitarras das marcas em questão, e toquei algumas vezes nas Les Paul Epiphone, tanto Korea como China.

O Rock-a-Billy escreveu, e perguntou a opinião sincera de usuários do fórum.

Eu falei a minha.

Falei o que pensava tentando analisar o quadro geral, quais seriam as possibilidades e condições dele.

Em nenhum momento desmereci a Guitarra em questão isoladamente.
Apenas alertei para o fato de que se ele vislumbrasse qualquer hipótese de conseguir fundos para uma Gibson, mesmo que um modelo simples, isso poderia ser uma melhor opção. Melhor em termos relativos, o que é melhor para um, pode não ser para outro.

Muitas vezes pessoas pedem uma opinião, e esperam respostas sinceras e ao mesmo tempo agradáveis.
Infelizmente a minha não pode ser as duas.

Eu gosto muito de Guitarras, Amps e equipamentos.
Mas se precisar escolher, voto pela qualidade antes da quantidade.

Eu não acredito que a Epiphone chinesa, por ter o tal tampo em "maple", ou binding, ou o que quer que seja, seja uma boa opção.

Se fosse a ÚNICA Guitarra que ele fosse ter, e precisar começar por algum lugar, ainda assim pensaria em outras opções na mesma faixa de preço.

Mas tendo visto o histórico de mensagens dele, e supondo que ele possui outras Guitarras, sempre sou a favor de upgrades.
Acho mais vantajoso ter UMA Guitarra melhor do que duas temporárias. Mas é apenas minha opinião.

Mas, ao meu ver, se ele tem realmente a intenção de ficar a a dita Guitarra,
e é motivado não pela razão, mas pelo impulso imediatista, então realmente não é necessário ouvir opiniões alheias.

Vá em frente. Boa sorte.
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Telefunk (São Paulo/SP)  enviar um e-mail para Telefunk
(w.p.p@bol.com.br) 23/10/2012 17:25:46

Eu trocaria! Mas testaria a guitarra antes pra ver se não é um "Mico"!

Se você já não morrea de amores pela Fender e tá com uma GAS por Les Paul, vai em frente! Do que adianta ficar com a Fender encostada dentro do bag!?

O pessoal tem muito preconceito com Epiphones. Apesar de não curtir guitas a la Gibson, já toquei em algumas Epiphones bem honestas por aí. Mas já encontrei algumas bem ruins também...

O lance de Epiphone é testar e ver se a guita em questão é das honestas ou dos micos! hahah

Vai lá, testa e se curtir, troca!
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por LH (Sâo Paulo/SP)  enviar um e-mail para LH
(osguilhermes@uol.com.br) 23/10/2012 17:03:53

Não sei se vale a pena ou não, mas....

"ficando com vontade de pegar esta guitarra... " sai sempre mau negócio.

Bom negócio = espera + oportunidade.
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 23/10/2012 15:57:10

É muita roubada pegar esta epi? É que minha vontade nem sempre obedece minha razão, e estou ficando com vontade de pegar esta guitarra... Será que ela a madeira dela não é melhor por ser custom shop? Alguém ajude!!!
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 23/10/2012 13:56:47

Beleza Cheese, assim que puder vou dar um pulo por lá, valeu a lembrança, pois nem tinha me passado na cabeça antes ir lá.

Roberto, gostei das tuas dicas cara, não conheço epipoca chinesa, tive um tempo em casa à muito tempo atrás uma coreana e era legalzinha, mas não era grande coisa, achava o som fechado, mas a madeira não era das piores. Será que estas chinas são tão ruins assim?

Cheguei a pensar em tentar fazer rolo com uma gibson les paul stúdio, mas fiquei com pé atrás por pensar que a falta de top de maple pudesse afetar o timbre e não dar o som que esperava, pois, gostaria de uma les paul pra ter um som mais gordo e ao mesmo tempo ardido quando o drive estivesse ligado. Outra pergunta, a studio vem com captação meia-boca?

Vou analisar, é que o cara quer vender e fica me ligando, mandando email, e pelo visto quer muito trocar, e a guitarra é bem bonita e parece ser um mogno razoável pelas fotos da parte de trás. Aí deixa aquela dúvida. Mas o conselho de não ter pressa é valioso, eu gosto da fenderzinha, não é minha guitarra preferida, mas tem um bom timbre, é que estou sem les paul e gostaria de pegar uma, só que não penso em pegar uma gibson standard agora (que é a guitarra que eu queria), então, como pensei na questão do top de maple e do timbre em sí da studio, além do fato de ter que inteirar uma grana ou colocar outra coisa em jogo, eu pensei que a epiphone do cara poderia ser bom negócio. Mas se não presta não vai rolar. Tipo, todas as epipocas não prestam ou tem alguma que preste? Sei que usam madeiras de qualidade mais baixa, peças e parte elétrica de segunda categoria, mas elas chegam a ser tão ruins assim? Acho que vou desencanar desta epipoca e pegar uma studio mesmo, ainda não vai ser o que quero (que é a standard), mas já é meio caminho andado. O que acham?
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por cheese (rio/RJ)  enviar um e-mail para cheese
(danielcheese@hotmail.com) 23/10/2012 13:14:36

rss.....

billy.....a pro music........vc tem que ir na loja......o site é uma bosta....rss.....os meninos não atualizam nunca

mas lá é o momento certo......já vendi coisas em 2 minutos no balcão......e peguei ótimos equipos na hora.....

tem que dar sorte......

é claro que tem os instrumentos que nunca serão vendidos....fora da realidade.....mas isso não é culpa da loja....que apenas ganha uma porcentagem sobre o que o "dono" pede

vale a ida
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Dado (Brasília/DF)  enviar um e-mail para Dado
(eduardovski@hotmail.com) 23/10/2012 13:05:11

Billy, o Roberto Justus matou a pau. Concordo 100% com ele.

No mais, run to the hills com essas chinokas aí...
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Roberto Costabile Junior (São Paulo/SP)  enviar um e-mail para Roberto Costabile Junior
(robertocostabilejr@gmail.com) 23/10/2012 12:42:29

tem tantas gtrs por aí +1
ter calma nessa hora é sensato +1

Muitas vezes o barato sai caro

talvez seja interessante focar no que pode ser prioridade.

As vezes, vão se acumulando coisas, que nem sempre são as melhores opções.

Não precisa ter a Gibson mais milionária do universo
mas uma Studio, que é uma Guita acessível, já é INFINITAMENTE MELHOR do que uma chinoka.

Se você quer mesmo uma Les Paul, uma Gibson, talvez seja mais interessante:
- abrir mão da Fender e mais alguma coisa
- ou parcelar a diferença e ficar um bom tempo sem comprar nada

mas no final ter conseguido uma Guitarra decente. Fazer um upgrade.

Ou corre o risco de ficar com uma china aqui, uma korea ali, uma indonésia acolá...
ah, mas estão turbinadas com captadores bons...whatever...
captador é ótimo para o ajuste final, mas não faz mágica.

Se a Guita é legal mesmo desligada, pode até vir sem captador. Depois cata o que preferir.

Mas a madeira, o corpo, tem que ser legal, ser sólida, de confiança. Acusticamente tem que falar bem.

Até acho que o maior problema não sejam marcas na Guitarra, apesar de que estas deveriam contribuir para a desvalorização.

O lance é, Guitarras - e outros produtos em geral - chinokos geralmente não são feitos para durar. Vale quanto pesa...

Mas aí vai de cada um...

My 666 cents
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 23/10/2012 12:14:31

Cheese, dei uma olhada no site da pró-music, o novo, pois da última vez que tentei acessar eles estavam atualizando e não acessava. Tem coisas legais por lá agora, vou tentar arrumar um tempo qualquer dia pra ir lá e ver o quanto avaliam a guita, mas ainda estou na dúvida sobre a do cara, pois pra trocar por uma epi basicona eu não queria.
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por Billy (Rio de Janeiro/RJ)  enviar um e-mail para Billy
(andy_goncalves@hotmail.com) 23/10/2012 11:34:10

Oi Cheese, não avaliei ela ainda na pró-music não, mas quando fui lá há uns anos atrás não curti a maior parte das guitarras que tinha (exceto as caríssimas), e achei os preços salgados. Sei que indo lá trocar, vão desvalorizar minha guitarra pra caramba e no final das contas vão querer uma volta boa pra pegar outra guitarra diferente, mas no mesmo nivel de preço. No momento não estou pensando em pegar uma Gibson, penso em mais pra frente, e de pegar lá fora, quando for viajar, mas tenho outras prioridades no momento e o tempo tem sido muito escasso pra mim. Por isto pensei numa epiphone, que é uma guitarra meia boca, na minha opinião, mas que com bons captadores me atenderia por um tempo.

Meu problema é pegar uma guitarra lascada, mesmo que esteja 100% e depois eu resolver vender ou trocar e me arrepender amargamente...rs ou estar fazendo um mal negócio, como, trocando uma guitarra que tenha mais valor de mercado, por uma de menos valor de mercado.

Como não sou dos mais experientes em questão de trocas e também meu conhecimento sobre as Epiphone e sobre danos e desvalorizações são bastante superficiais, dá um medo danado e uma dúvida de fazer um mal negócio, ao mesmo tempo que a GAS me faz sentir tentado à pegá-la, mesmo sabendo que daqui à alguns anos eu vou querer me desfazer ela, seja pra pegar uma fender de novo, seja pra colocar num rolo pra uma Gibson, ESP ou outro tipo de guitarra.

Obrigado aí pela dica e pela colaboração. Se você ou outras pessoas puderem ajudar, agradeço bastante.
Re: Ajuda! Dúvida em troca de guitarra fender MIM X ...
postado por cheese (rio/RJ)  enviar um e-mail para cheese
(danielcheese@hotmail.com) 23/10/2012 11:00:03

1#...tem que gostar do instrumento
2#...tem que testar o instrumento

cara...tem tantas gtrs por aí......se vc for do rio de janeiro...dê um pulo na pro music.............tem umas xxxs gtrs ótimas
e os caras sempre fazem um bom jogo.....podem até avaliar melhor a sua ......

mas ...ter calma nessa hora é sensato
« voltar ao Fórum Responder mensagem Postar nova mensagem Regras Glossário Revelando-se Perfeito Dates Classificados
Green Notes © Copyright 2005 / 2018 - Todos os direitos reservados | Faça aqui o seu Cadastro